Prodesp - Tecnologia da Informação HomeOuvidoriaFale Conosco     SIC
 


Mais facilidade para registrar BOs via Internet
16/agosto/2017

A Delegacia Eletrônica, sistema que permite o registro de boletins de ocorrência pela Internet, será totalmente remodelada, tanto em sua interface, com a finalidade de melhorar sua usabilidade para o cidadão, quanto na aplicação de retaguarda, utilizada pela Policia Civil para análise e validação dos boletins registrados.

A primeira grande mudança, em projeto que está sendo conduzido pela Prodesp em parceria com a Polícia Civil, é que já na página inicial do site o cidadão encontrará em destaque quais os tipos de ocorrência que podem ser registrados na Delegacia Eletrônica e quais os que exigem o comparecimento a uma delegacia física.

Para facilitar e garantir o fornecimento de todas as informações necessárias ao registro do BO, o cidadão será conduzido por um passo a passo, em telas seqüenciais, como “Local e Hora da Ocorrência”, “Dados do Declarante” e “Dados dos Objetos e/ou Documentos”.

Ao final, será exibido um resumo do boletim, para que o cidadão confira as informações antes de finalizar o registro e receber um número de protocolo. O sistema também permitirá acompanhar o andamento do boletim, bem como complementar um BO já registrado.

Outro ponto importante da modernização da Delegacia Eletrônica é que o novo site será responsivo, isto é, suas páginas se adaptarão automaticamente a celulares e tablets, facilitando o registro de BOs por meio desses dispositivos móveis.

O objetivo por trás da simplificação do uso da Delegacia Eletrônica, além de facilitar a vida do cidadão, é estimular seu uso. Hoje, muitos vão até uma delegacia física quando poderiam fazer o registro do BO pela Internet - casos como os de furto ou roubo de veículo, acidente de trânsito sem vítimas, perda de documentos e desaparecimento de pessoas.

O aumento do uso da Delegacia Eletrônica é vantajoso para o cidadão que a utiliza, pois pode registrar o BO na comodidade de sua residência ou trabalho, e também para aqueles que obrigatoriamente precisam fazer o registro em uma delegacia física, uma vez que a diminuição do movimento nesses locais permitirá mais agilidade no atendimento.

A nova Delegacia Eletrônica entrará no ar gradativamente, devendo estar totalmente disponível para uso do cidadão até o início de 2018.

Em 2016, já havia sido desenvolvido um projeto para modernizar o atendimento nas cerca de 1,6 mil delegacias físicas do Estado de São Paulo, contemplando a melhoria na usabilidade de sistemas; a modernização da infraestrutura de informática (computadores, impressoras e rede de comunicação); e a adequação do espaço de atendimento ao cidadão.

Entre as melhorias implementadas, está a criação de uma interface única para agilizar o acesso a todos os sistemas policiais (como os de registro de BOs, de identificação criminal e de veículos furtados / roubados) e administrativos.

O novo padrão foi implantado em caráter piloto no 1º DP de São Bernardo do Campo, no 11º DP na Capital (Santo Amaro) e no DP do Guarujá.

facebook twitter youtube
Guias da Transparência ABEP Prêmio e-Gov